sábado, 31 de janeiro de 2015

MELQUE, O GNOMO - pag. 16

Imaginem agora escutar o choro incontrolável de um MARMANJÃO como esse cara aí da história? O que mais o MELQUE terá que aguentar?
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário